Estive no café filosofico da CPFL nesta quarta, dia 11. Tema Etica: Socrates e Kant.

Como já disse aqui: tudo o que produzimos de conhecimento humano é uma nova maneira de dizer o que já sabemos.

E descobri que a minha moral, a minha é tica tem dois nomes: A Etica Relativista e a Etica Utilitarista. Resumidamente, a Etica Relativista diz que os fins não justificam os meios, ou é, ou não é. E a Etica Utilitarista diz o oposto.
Eu acredito nas duas. E acho que o que separa o joio do trigo é a moral. O que vai contra meus principios morais, não se relativisa.

Preciso refletir mais sobre ter duas Eticas….

Mas o mais interessante é que em determinado momento o palestrante manda essa: “Os ignorantes é que são felizes. Quem pensa é triste”

Nossa, morderam a isca na hora. Gente protestou “Eu penso e sou feliz!!”
HAHAHAH
É impressionante como falar para alguem que ela não pensa, ou não é feliz, ofenda tanto.
As pessoas realmente ficam putas. Parece que é inadmissivel ser infeliz.

O palestrante ainda explicou: “Quem pensa fica relativizando sobre a alegria, o pq é triste, o que o faz ser alegre, e pq fica triste e etc. O feliz simplesmente o é.”

Abandonei esse blog por uns dias.
Fui muito feliz neste período…


5 Comments

  1. Paula Figueiredo
    Posted 14/11/2009 at 10:50 | Permalink

    Verdade! Quem não questiona os princípios pode viver em uma área de conforto… Mas continuam vivendo suas misérias, assim como quem pensa… Só que culpam o mundo e os outros pelas perturbações que sofrem em sua aparente harmonia. Se não paramos para refletir não podemos concluir que somos nós que estamos constantemente a criar as mazelas que vivemos. Culpar o outro é causa intrínseca de toda a guerra moderna. Que felicidade é essa? Prefiro viver os tormentos de confrontar com minha sombra do que viver a paz da estagnação, da ignorância, da ilusão de superioridade, de razão. Posso ver que não sou tão boa quanto gostaria, mas vejo também que aos poucos estou aprendendo a ser melhor.
    Adorei seu comentário no meu blog sobre a dor. O meu processo está justamente pedindo o desapego e a liberação do que já está ultrapassado: renovação.
    Abraços,
    Paula

  2. Anonymous
    Posted 15/11/2009 at 19:30 | Permalink

    Já reparou que vira e mexe vc questiona sua ética neste blog? Quem tem moral e etica não fica se desculpando ou pensando sobre o assunto.Simplesmente tem e sabe que tem.Isso mostra uma pessoa de carater duvidoso e que tem conhecimento disso.Aposto que se orgulha disso achando que faz todo mundo de bobo. Lamentável seu blog!!

  3. Rodrigo Facchinetti
    Posted 16/11/2009 at 10:39 | Permalink

    é engraçado como sempre aparece uma anônima aqui, que acha que eu não sei quem é, pra me dizer o que ela acha que eu já não saiba.

    seria ao menos mais honesto meter a cara né? Assim quem acompanha o cafofo poderia tirar as suas próprias conclusões…

  4. Rê Calixto
    Posted 18/11/2009 at 19:48 | Permalink

    Fiquei feliz que ficou feliz nesse período q não escreveu no blog. Significa q não estava sofrendo… Q bom

  5. julia bac
    Posted 18/11/2009 at 21:46 | Permalink

    Coitados dos infelizes, que além de infelizes, tem que aguentar os Ignorantes!
    Beijos!
    Ju.

Leave a Reply to Paula Figueiredo Cancel reply